10.8.09

- Qualquer dia me atiro. No vestido vermelho de veludo. Por essa janela.
- ...
- Se antes ele não me empurrar.

Nenhum comentário: