26.3.10

a primeira vez que eu me deparei com o nome bert ostyn foi quando eu baixei o here we go again, da lady linn and her magnificent seven. bert canta com lady linn a faixa 5, i am aware, que pra mim é uma das mais lindas do disco.


é claro que eu achei que ele fosse algum cantor de jazz, estando ele cantando a música em questão, no álbum em questão, com a cantora em questão (mesmo embora a lady linn tenha outros projetos diferentes, lady linn and her magnificent seven tem essa proposta jazzy-retro-soulish e tal), e ele tem uma voz assim serena e, hm, smooth, muito apropriada pra, bom, jazz; ou pelo menos foi o que eu achei quando ouvi o rapazote cantando no disco da linn.

aí numa rápida pesquisa pelo nome bert ostyn o youtube me forneceu uma entrevista, que eu não entendi porque era em holandês (ou foi o que eu deduzi, afinal, o moço é belga), mas que me deu a informação necessária: bert ostyn era frontman de uma banda chamada absynthe minded. outra pesquisa rápida me permitiu achar isso:


eu achei extremamente curioso porque era muito diferente do que eu tava esperando. e também achei a música muito boa, então baixei o disco, new day, que é bem esquizofrênico, mas delicioso, passeando pela esquisitice da faixa aí de cima, voltando pro jazz, aí brincando com um pouco de funk e soul, putz, eu adorei. além do que o bert é lindo e isso sempre facilita o fator likability das bandas na escala-melody de coisas apreciáveis.

além do new day eu tinha baixado também o acquired tastes e semana passada baixei o absynthe minded; os dois álbuns muito bons. o acquired tastes é mais uma experimentação com o jazz e com uma coisa meio folkzinha também, eu acho, é bem divertido e perturbador. gosto particularmente de twisted, conversation strike error e i've been there. o absynthe minded é o álbum mais recente, de 2009, e se foca mais no lado jazz-pop da coisa, achei e perde um pouquinho da inventividade, mas tem alguma faixas bem legais tipo dead on my feet e multiple choice - e oh! the longing é heartbreaking.

mas uma das coisas mais legais que eu vi deles foi isso:


eeeee macarena! (reboladinha e voltinha)

Nenhum comentário: