6.9.13

let's dance to joy division

eu tenho escrito coisas melancólicas novamente, eu tenho me sentido acabada e esvaziada e rasa, eu tenho sido uma desas pessoas que não vê propósito em nada do que eu faço, e hoje eu tava escutando uns cds que gravei uns anos atrás e pensei que minha vida era a mesma, mas eu tava contente, tava tranquila, o que mudou?

acho que tem me faltado dançar umas músicas indies na noite paulistana, é isso que falta, mas se nem fila de balada eu tenho tido paciência de pegar, como que faz?



e eu falei, falei, falei, mas poucas coisas no mundo preenchem meu coração como dr. dog, eles podem me decepcionar o quanto for, o quanto der, mas nada nunca vai meu amor acabar, graças a isso:



e eu também lembrei de uma época quando eu estava cantando sobre o sol, e sobre deixar a noite pra lá, sobre apreciar os raios de luz e ter uma vida bem iluminada, à vista de todos, à mercê do sol, mas de repente isso tudo me pareceu a maior bobagem, tá faltando mesmo a noite, tá faltando a histeria e a alegria da noite, tá faltando música e pular numa pista lotada e sair de lá bêbada e cansada, descabelada, com a maquiagem torta, mas purificada. let's dance to joy division and cebrate the irony: everything is going wrong but.....

tá faltando anos 80 na minha vida, é isso. vem ni mim, ian curtis.


Nenhum comentário: