22.3.15

recap girls s04e09

(contém spoilers)

hoje sai o último episódio dessa temporada de girls, então decidi que tava na hora de falar sobre o episódio passado.

eu fiquei enrolando porque esse episódio me emocionou bastante e me irritou muito também, fiquei muito dividida com minhas emoções.

a história da jessa com aquele ex bizarro da mimi rose eu já achava estranha desde que ela falou pro adam que tava afim do cara. tipo, um cara que fica mastigando escova de dente no rolê. e quando ela fala pra shoshanna que ela gosta dele porque ele é ~imprevisível~ ~desapegado~, quer dizer, o cara é claramente uma invenção de si mesmo - até porque a gente sabe que desapego ele não tem nada: ele ainda quer a mimi rose, a ex que já tá namorando outro cara por algum tempo. não sei vocês, mas eu acho que isso é ser bem apegado, sim.

estranhei que a jessa teria caído nessa farsa. a gente caiu na farsa da mimi rose porque ela é muito mais ~approachable~ e relacionável, e porque nós somos o tipo de pessoa que cai nessas farsas. a jessa não. a jessa é a farsa personificada, ela não deveria ter caído nessa.

a cena inicial desse episódio, a jessa e o cara trepando, é maravilhosa porque é uma caricatura incrível da farsa que esse casal é. eles tão forçando uma intimidade e uma ~conexão poética~ entre eles e o ambiente que claramente é inventada.

mas tô me prolongando demais. só queria dizer que fiquei feliz que a jessa tenha finalmente sacado, voltado a ser a jessa que nós sempre amamos, e que ela tenha tirado o adam dessa situação com a mimi rose também.

já o adam, coitado. estava conversando com uma amiga que acha que ele foi covarde de não entrar na festinha da shoshanna e do ray porque não queria ver a hannah. eu achei a decisão correta e madura, considerando que ele mesmo admitiu que queria demais ver ela. ele sabia que a fim do amoro com a mimi rose tinha deixado ele com uma carência que queria que a hannah resolvesse, mas quer seria injusto com ela e machucaria os dois, provavelmente. espero mesmo que ele mantenha essa decisão.

sobre a hannah, achei a resposta dela à situação do pai sendo gay muito compreensível. achei que foi menos egocêntrica do que reações dela a problemas anteriores, mas egocêntrica o suficiente pra garantir um certo instinto de sobrevivência. ela merece ter seus limites respeitados assim como ela precisa respeitar os limites dos outros - inclusive achei muito interessante essa discussão sobre boundaries e até mesmo generation gap que aparece nesse episódio na relação entre a hannah e a aluninha cleo, de quem ela tava muito amiga no episódio anterior.

amo que shoshanna está cada vez mais ~~blooming~~ e arrasando no uso de fivelas de cabelo. gosto que ela tomou pra si essa responsabilidade de ajudar o ray, acho que o ray precisa desse apoio e né, alguém avisa esse homem que a marnie é nojenta. não é possível que o ray não consiga superar.

coisas a se esperar:
a marnie vai entrar numa downwars spiral nesse casamento com o desi, e o ray vai resgatá-la e oferecer auxílio e suporte como uma cavaleiro num cavalo branco, e amarnie vai se utilizar do conforto e do carinho dele e destruí-lo ainda mais uma vez. desculpem por essa previsão sombria, mas é o que eu vejo acontecendo.

eu até gostaria que a jessa e o adam desenvolvessem algum tipo de relação romântica, mas ao mesmo tempo gosto deles como amigos e se que qualquer coisa a mais não iria durar muito. além disso, o que um romance adam-jessa faria com a já atordoada amizade jessa-hannah?

o pai da hannah vai entrar num relacionamento com elijah. SORRY MIGS. horrível, mas vai acontecer, porque o pai da hannah precisa desse bust de auto-estima e de alguém em quem confiar e com quem aprender. e o elijah adora uma figura masculina mais velha bem-sucedida - ele namorou um homem mais velho na segunda temporada.

Um comentário:

Ursula Vettori Moss disse...

aiiiiiii nem me fale em jessa + adam e elijah + pai da hannah que eu morro!

to sentindo essa tensao jessa + adam ha um tempo e sei la, me parece muito errado quase tipo um incesto; ia ficar mt puta. ja o elijah + pai da hannah pode virar algo engracado.

PRFVR ESCREVER SUAS OPINIOES FANTASTICAS SOBRE O ULTIMO EP QUE EU VI ONTEM E TO MORRENDO PRA FALAR COM ALGUEM SOBRE. BRIGADU.